Educação Ambiental define aplicação de recursos

A 50º reunião da Câmara Técnica de Educação Ambiental (CTEA) realizada no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRJ), em Arraial do Cabo, discutiu a aplicação de recursos do ano base de arrecadação de 2010, no valor de R$ 60 mil para Educação Ambiental, dos quais só foram gastas despesas durante a Rio+20. Foi decidida a realização de pelo menos 3 etapas do Circuito Regional de Educação Ambiental, nos municípios de Araruama, Silva Jardim e Saquarema, para o qual foi criado um Grupo de Trabalho (GT) com Fabio Collhicio, Edna Calheiros, Micheli Monique, Dora, Priscila Moura, Elisangela Janaina e Aline Oliveira, gestora de projetos do Consórcio Intermunicipal Lagos São João. O valor do circuito foi estimado em R$ 18 mil.

Outra proposta foi a retomada das atividades do Programa Agenda Água e a realização de pesquisa com pelo menos 35 professores da Bacia Lagos São João, além da proposta de apoiar financeiramente e garantir a participação de pelo menos 3 integrantes da CTEA em eventos relacionados à Educação e Recursos Hídricos. Participam do GT Agenda Água as entidades: Grupo de Educação para o Meio Ambiente (GEMA), Consórcio Intermunicipal Lagos São João (CILSJ), ONG CLEAN e Associação Mico Leão Dourado (AMLD). Serão implantadas 18 agendas ambientais escolares em 6 municípios no valor de R$ 38 mil.

Comments are closed.