Consórcio Intermunicipal Lagos São João conquista novas parcerias

O Comitê de Bacia Macaé e Ostras e o fórum de desenvolvimento Forlagos são duas importantes instituições regionais que agora se agregam ao Consórcio. (Foto: Edimilson Soares)

O Comitê de Bacia Macaé e Ostras e o fórum de desenvolvimento Forlagos são duas importantes instituições regionais que agora se agregam ao Consórcio. (Foto: Edimilson Soares)

Há 12 anos o Consórcio Intermunicipal Lagos São João (CILSJ) atua na Região dos Lagos como indutor de ações ambientais, unindo poder público, sociedade civil e setor privado. Inicialmente, além dos municípios da Bacia Hidrográfica Lagos São João, o CILSJ incluía também Rio das Ostras que acabou saindo desta bacia hidrográfica para se integrar à bacia de Macaé, gerando um novo Comitê de Bacia, o Macaé e Ostras. Com grande capacidade de gerenciamento, o CILSJ atua em várias atividades na bacia, tendo participado da criação do Comitê da Bacia Hidrográfica Lagos São João, em 2004, e do Consórcio Intermunicipal de Manejo de Resíduos Sólidos da Região dos Lagos, em 2011, entre outros projetos e iniciativas ambientais.

Escolhido como Delegatária do Comitê de Bacia Lagos São João em 2010, em sua reunião realizada em maio, no Parque Hotel, em Araruama, o CILSJ aceitou o convite feito pelo presidente do Comitê de Bacias Hidrográficas Macáe e das Ostras, Affonso Henrique, para também atuar como sua Delegatária, exercendo o papel de Agência de Águas. Isto significa um aporte operacional para o Comitê Macaé e Ostras e demonstra o reconhecimento e confiança ao trabalho do CILSJ, ao longo dos anos.

Para tanto, o departamento jurídico do CILSJ fará as adequações necessárias ao contrato de gestão a ser apresentado ao INEA, o órgão regulador das Delegatárias no Rio de Janeiro. A ocasião foi marcada também pela adesão do Fórum de Desenvolvimento Econômico da Região dos Lagos (FORLAGOS) ao CILSJ. O presidente do FORLAGOS, Ricardo Azevedo, acredita que esta participação é um passo importante para as duas instituições, devido ao objetivo comum de desenvolvimento regional aliado à sustentabilidade.

Comments are closed.